Glitter Gal – Frappe

By

Ultimamente tenho me policiado em usar esmaltes que nunca pensei que fosse usar na vida – isso inclui esmaltes mini, esmaltes que saíram de linha, esmaltes que comprei só pela marca, outros só pela dificuldade de achar (mesmo não gostando do acabamento)…

Pois bem.

Eu tava olhando meu gaveteiro de esmaltes mini e dei de cara com o Frappe, da Glitter Gal. Ok que o Frappe não é um esmalte mini – o vidrinho tem 10 ml -, mas o formato quadradinho dá essa falsa impressão.

glitter-gal-frappe-2

O Frappe é um esmalte rosa bem boa moça. É um esmalte muito virginal e o que dá uma certa ousadia nele é o acabamento – que é holográfico.Apesar de lindinho, ele é ordinário: precisou de 3 camadas para fechar mais ou menos a cor e mesmo assim uma quarta camada seria bem vinda – não usei pois achei que ia gastar esmalte de mais. HAHAHAHAGlitter Gal - Frappe 1.JPG

A holografia dele é linear, mas é bem sutil: você percebe que ele faz aquele prisma em forma de linha, mas é difícil captar na câmera.

O Frappe não escorreu nas laterais, não deu trabalho de limpar as laterais e nem mancha ao redor – ok que é meio difícil esse tom de rosa manchar, mas né, nunca se sabe. Infelizmente ele não é mais fabricado e dá um trabalho horroroso conseguir esmaltes holográficos da marca.

Glitter Gal - Frappe 4.JPG

Em suma?

Só comprei porque é holográfico – se fosse de outro acabamento teria passado batido, mesmo sendo da marca que mais amo na vida.

Bolha-Gabs

Anúncios